Exportação de carne de frango deve crescer 6% e atingir novo recorde

Compartilhe

As exportações de carne de frango devem crescer 6% e podem atingir um novo recorde neste ano, ultrapassando 4 milhões e setecentas mil toneladas. É o que aponta a Conab, a Companhia Nacional de Abastecimento.ebcebc

E não é somente o frango. Os embarques de carne bovina também devem aumentar em 15%, com previsão de quase 3 milhões de toneladas.

Já o comércio de carne suína vai desacelerar um pouco. As exportações dessa proteína animal devem cair em 2%. Isso porque o mercado chinês, um dos maiores compradores de proteína animal do Brasil, vem recuperando a produção.

Mesmo com o crescimento das exportações, o abastecimento de carnes dentro do país não será afetado. Com a produção média em torno de 28 milhões de toneladas, a estimativa é superior a 90 quilos de carne por ano para cada brasileiro.

No caso das aves, a produção nacional se aproxima de 15 milhões de toneladas por ano, o que garante uma disponibilidade de 48 quilos por pessoa. 

Já a produção de suínos, este ano deve ser a maior da série histórica, com quase 15 milhões de toneladas. Para os brasileiros, a oferta da carne de porco vai aumentar em meio quilo por ano, chegando a 17 quilos e meio por habitante, e o preço deve baixar.

Em relação à carne bovina, a oferta deve seguir reduzida no mercado interno, com expectativa de consumo em torno de 25 quilos por habitante por ano.

O cálculo de produção de carne é baseado em informações da Pesquisa Trimestral do Abate de Animais e da Pesquisa Trimestral do Couro, divulgadas pelo IBGE.

Economia Brasília 04/08/2022 – 17:08 Paula de Castro / Beatriz Arcoverde Leandro Martins – Repórter da Rádio Nacional exportações de carne quinta-feira, 4 Agosto, 2022 – 17:08 1:45

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itamaraju e região na palma da sua mão.

Entre no grupo. Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.