ITAMARAJU | Kombi roubada em 2011 é recuperada pela PRF

Um veículo VW/Kombi , com ocorrência de roubo e que circulava clonado foi recuperado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na tarde de quinta-feira (04), em Itamaraju (BA). A ação contou com o apoio da Polícia Civil, através de informações repassadas por sua especializada Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV).

A ação iniciou após denúncia de possível ‘clonagem’ de uma camioneta Kombi, de cor branca, que circulava no extremo sul baiano.

A fim de averiguar a situação, os PRFs diligenciaram e conseguiram localizar o veículo no perímetro urbano da cidade de Itamaraju, distante 730 quilômetros de Salvador.

Os caracteres identificatórios da Kombi estavam bastante prejudicados. Para se ter ideia a numeração do chassi (NIV) foi ‘corroída’ pela ação do tempo e pela ferrugem.

Porém, com técnicas de identificação veicular e ‘expertise’ dos policiais, eles constataram a fraude veicular e após consulta ao sistema de dados informatizados, verificou-se se tratar na realidade de uma camioneta roubada em maio/2011, na cidade de Salvador (BA).

Para não levantar suspeitas, a placa original foi trocada por outra “clonada” de uma Kombi com características semelhantes.

O responsável pelo veículo foi identificado. Questionado, ele informou ter adquirido a Kombi há cerca de 3 anos na cidade de Santo Antônio de Jesus. Disse ainda que pagou 14.500 reais.

O veículo apreendido e o envolvido foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil local.

Orientação e dicas da PRF na compra de veículo usado

Atenção redobrada deve ter também o cidadão ao realizar a compra de um veículo usado. Algumas vezes, o comprador sequer tem conhecimento da procedência ilícita do veículo e o adquire de boa fé. A PRF orienta que, na pesquisa ou ato da compra, o novo proprietário sempre desconfie de anúncios tentadores, leve-o a um mecânico de confiança e confronte as informações do documento com os elementos identificadores no veículo.

Um outro alerta quanto a veículos clonados é para os proprietários que estiverem recebendo multas em locais onde não trafegaram. Nesses casos, é importante que procurem o órgão de trânsito para relatarem a possibilidade do veículo ter sido clonado.

Por | Ascom

Deixe seu comentário