Polícia apreende mais de 280 mil comprimidos anfetamina em rodovia na Bahia

Compartilhe

Uma ação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Bahia resultou na maior apreensão de anfetaminas realizada em rodovias federais do Brasil. O flagrante teve início no final da noite de quinta-feira (09), em Feira de Santana. Um casal foi preso por tráfico de drogas.

Policiais faziam fiscalização da Operação Cerco Fechado em frente a unidade operacional da PRF (Feira Sul – Km 429 da BR 116), por volta das 23h59, e deram ordem de parada a um ônibus de viagem que seguia de Alta Floresta (MT) para Recife (PE).

Durante a abordagem o motorista entregou os documentos de porte obrigatório para consulta aos sistemas da polícia.

Em seguida, os PRFs decidiram fazer uma fiscalização minuciosa no compartimento de bagagem e durante a busca, eles encontraram caixas com centenas de pacotes de anfetamina, que totalizaram 282.000 comprimidos de “rebite”.

As caixas foram despachadas e estavam identificadas para destinatário que iria retirar a mercadoria no Terminal Rodoviário de Feira de Santana.

Em continuidade a ocorrência e após informações de inteligência foi possível localizar e prender um casal que receberia a droga. Configurado o crime de tráfico de drogas, os comprimidos apreendidos e o casal foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil para lavratura do flagrante pelo crime do art. 33 da Lei 11.343/2006.

Esta é a maior apreensão desta droga realizada nas rodovias federais do Brasil em 2022 e representa uma quantidade de quase 3 vezes do volume total apreendido durante todo o ano. Conforme levantamento da instituição, até esta quinta, tinham sido retirados de circulação 97.606 comprimidos de anfetaminas das rodovias federais do Brasil.

A substância anfetamina é um estimulante do sistema nervoso central e faz com que o cérebro trabalhe mais depressa e cause nas pessoas a impressão de diminuição da fadiga – já que conseguem executar uma atividade qualquer por mais tempo – de menos sono, perda de apetite e de aumento da capacidade física e mental.

De acordo com a PRF, cada cartela com 15 comprimidos chega a ser vendido no mercado informal por 50 reais.

Alguns motoristas utilizam o ‘rebite’ de forma perigosa e descontrolada com o objetivo de dirigir várias horas seguidas, sem descanso, para cumprir prazos predeterminados ou até faturar um extra no final de cada viagem.

Essa é uma conduta imprudente e que coloca em risco a segurança de todos que trafegam pelas rodovias federais do país, por isso, estamos sempre coibindo com muito rigor tal prática.

Uma das formas de fiscalização é observar se os motoristas de caminhão, ônibus e vans estão cumprindo o intervalo de descanso obrigatório que é de 11 horas a cada 24 horas trabalhadas.

Tal medida visa garantir que os condutores de veículos de carga de grande porte, de veículos de transporte coletivo de passageiros e de veículos de transporte de escolares estejam devidamente descansados e atentos no trânsito.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itamaraju e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
HOT & NEW
Thank You
You are now Subscribed to our product newsletter.
HOT & NEW
Thank You
You are now Subscribed to our product newsletter.