Quase 90% dos brasileiros consideram pandemia grave; 4% não veem gravidade

Para quatro em cada cinco brasileiros a atual situação da pandemia do novo coronavírus no Brasil é grave ou muito grave. Essa foi a classificação de 89% das pessoas entrevistadas na pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) realizada pelo Instituto FSB. As informações foram divulgadas em reportagem da CNN Brasil.

Em comparação com o levantamento feito há um ano, houve crescimento de 9 pontos percentuais daqueles que veem a crise como grave ou muito grave. O resultado é atribuído pela CNI à segunda onda de casos de Covid-19 que fez o número de infectados e mortes pela doença dispararem no país.

O levantamento “Os brasileiros, a pandemia e o consumo” identificou que apenas para 4% da população a situação não é grave.

Os resultados ainda chama a atenção para um outro fator que justifica o crescimento na percepção de gravidade: a proximidade das pessoas com vítimas do novo coronavírus. Segundo a pesquisa, três em cada quatro entrevistados disseram que perderam alguém próximo.

A pesquisa ouviu 2.010 pessoas com idade a partir de 16 anos por telefone entre os dias 16 e 20 de abril, em todos os estados e no Distrito Federal. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%.

Fonte | Bahianoticias

Deixe seu comentário